Posts com Tag ‘impressora’

1. Introdução
O desafio era deixar uma máquina com Debian 8 (“Jessie”) poder imprimir numa impressora Lexmark X656de que estava numa rede Windows.

2. Instalar pacotes software
Para isto, faça a instalação dos seguintes pacotes:
# apt-get install system-config-printer cups cups-client smbclient

3. Tentar selecionar driver disponível
Para poder criar a impressora, utilize o seguinte comando:
# system-config-printer

a) Utilizar a opção “Impressora do Windows via Samba”, e fornecer o endereço da impressora e suas informações de autenticação (que devem estar cadastradas através do gerenciamento da rede de dados).

Selecionar impressora

b) A seguir, vamos escolher um driver disponível: selecionar a opção “Selecionar impressora da base de dados”, marcar impressora “Lexmark” e tentar achar o seu driver. O problema acontece aqui: não se acha disponível o driver correspondente a impressora.

Selecionar base de dados

Selecionar base de dados

Escolher o driver correspondente a impressora.

Escolher o driver correspondente a impressora.

4. Baixar e instalar o arquivo PPD
Volte na tela anterior e escolha a opção “Fornecer arquivo PPD”.

Escolher opção -selecionar ppd-

O arquivo PPD para a impressora pode ser encontrado na página oficial da Lexmark na internet. No caso, baixei o arquivo “Lexmark-X656de-Postscript-Lexmark.ppd”

Página da Lexmark na internet

Pronto, a impressora deverá estar acessível da máquina Debian.

Anúncios

Estava com o desafio de instalar o driver da impressora LexMark x644-e. Infelizmente, até este momento, a LexMark não disponibilizou um driver específico em Linux para esta impressora. No entanto, o driver Linux para a impressora X850-e é compatível. Siga os procedimentos abaixo:

Um conjunto de arquivos PPD que a Lexmark disponibilizou para Linux estão disponíveis neste link, drivers estes para serem utilizados em conjunto com o CUPS:

* Faça o download do arquivo acima.
* Em uma janela de terminal, execute:

$ tar -xzvf PPD-Files-LMABD.tar.Z
$ cd ppd-files
# ./install_ppd.sh

Siga as instruções contidas no arquivo Readme-CUPS.txt para habilitar uma fila de impressão usando o arquivo PPD instalado no passo anterior.

Veja também:
1- Debian com interface gráfica para configurar impressoras

Instale o utilitário de administração de impressoras ‘system-config-printer‘, que já está empacotado para debian em seus repositórios oficiais. Esse aplicativo é uma GUI escrita em Python que usa GTK+ para configurar o servidor CUPS. Com isto torna possível configurar impressoras através do menu pop-down do gnome (sistema -> administração -> impressão).

Meu desafio era passar a usar uma impressora HP Laserjet M-3035 MFP. Para isto instalei o pacote ‘hplip‘ que também já está empacotado para debian em seus repositórios oficiais. Este pacote fornece suporte completo para impressão na maioria das impressoras jatos de tinta HP SFP (“single function peripheral” — periférico de função única) e muitas LaserJets, e para “scanning”, envio de faxes e acesso a cartão de fotos na maioria das impressoras HP MFR (“multi-function peripheral” — periférico multifuncional).

Depois é só configurar a impressora utilizando a opção ‘impressão’ do menu.

obs: CUPS (antigamente um acrônimo para Sistema Comum de Impressão Unix), um sistema de impressão para sistemas operativos de computador tipo unix, permite que um computador haja como um servidor de impressão. Um computador rodando o CUPS é um hospedeiro que pode aceitar tarefas de impressão de computadores clientes, processá-los e enviá-los à impressora correta. Trata-se de um sistema de impressão que usa o protocolo IPP (Internet Printing Protocol), como base para gerenciar os serviços e filas de impressão. A sua utilização primária é para configurar o sistema de impressão na máquina local, mas também pode ser usado para configurar uma máquina remota.